domingo, outubro 16, 2011

O que você sabe sobre clareamento dental?

Olá leitores!
Vamos abordar hoje um assunto interessante e que gera expectativa, questionamentos e dúvidas: o clareamento dental.
Inicialmente vamos falar sobre o clareamento de dentes vitais, ou seja, aqueles dentes que não foram submetidos a tratamento endodôntico (canal).
Basicamente, existem duas técnicas para clarear os dentes vitais: o clareamento caseiro e o clareamento em consultório. Estas técnicas também podem ser utilizadas em conjunto, o clareamento misto.
A grande diferença entre as técnicas está na concentração do agente clareador.
No clareamento caseiro são utilizadas concentrações baixas do peróxido de hidrogênio (6 a 7,5%) ou peróxido de carbamida (10 a 16%).  Já no clareamento em consultório, são utilizadas concentrações entre 35% e 38%.
Na técnica caseira, após exame clínico para correta indicação da técnica, é realizada moldagem dos arcos dentais para confecção de placas personalizadas. Nestas placas, será colocado o gel clareador (prescrito por profissional habilitado) para uso diário, durante 3 a 4 semanas (Ver figuras abaixo).
O tempo de uso diário será determinado pelo profissional, após consideração de vários fatores (tipo de gel, concentração, perfil do paciente etc).


Na técnica do consultório, após determinação da indicação pelo exame clínico, o paciente será devidamente protegido (olhos, lábios, gengiva) e o gel clareador de alta concentração será aplicado diretamente sobre os dentes. Nesta técnica, serão realizadas 3 a 4 sessões, com tempo aproximado de 40 minutos a 1 hora cada e intervalo entre as sessões de no mínimo três dias (Ver figura abaixo).


Por se tratar de assunto extenso, em outro "post" abordaremos questões como efeitos colaterais e segurança destas técnicas. Caso existam dúvidas ou sugestões, por favor podem postar comentários.
Um abraço e até o próximo encontro!